Esse blog é sobre a história da minha família, o meu objetivo é desvendar as origens dela através de um levantamento sistemático dos meus antepassados, locais onde nasceram e viveram e seus relacionamentos inter-familiares. Até agora sei que pertenço as seguintes famílias (nomes que por vezes são escritos de forma diferente): Ramos, Oliveira, Gordiano, Cedraz, Cunha, Carvalho, Araújo, Nunes, Almeida, Gonçalves, Senna, Sena, Sousa, Pinto, Silva, Carneiro, Ferreira, Santos, Lima, Correia, Mascarenhas, Pereira, Rodrigues, Calixto, Maya, Motta…


Alguns sobrenomes religiosos que foram usados por algumas das mulheres da minha família: Jesus, Espirito-Santo...


Caso alguém tenha alguma informação, fotos, documentos antigos relacionado a família é só entrar em contato comigo.


Além desse blog também montei uma árvore genealógica, mas essa só pode ser vista por pessoas que façam parte dela. Se você faz, e gostaria de ter acesso a ela, entre em contato comigo.

quinta-feira, 29 de dezembro de 2011

Valente (Bahia)

Valente é um município brasileiro da Bahia localizado no nordeste do estado. Segundo o senso 2010, Possui uma área territorial de 384,321Km² onde distribui sua população de 24.579 habitantes. Sua altitude é de 358 metros em relação ao nível do mar, tendo sua sede à 238 Km da capital. Valente está localizado no Território do Sisal, conhecido mundialmente como a capital brasileira do sisal. A área do município se divide sobre duas bacias hidrográficas, do Jacuípe e Paraguassu.

 

História

A cidade, no começo do século XX, era uma imensa fazenda de gado. A origem do nome "Valente" deu-se por causa de um boi que desgarrou-se do rebanho e morreu afogado ao cair dentro de uma cacimba, que passou a ser chamada de Caldeirão do Boi Valente. Assim, mudaram o nome da fazenda para "Boi Valente", e em 12 de agosto de 1958, quando o povoado virou cidade, abreviaram para "Valente". O "Caldeirão do Boi Valente" ainda resiste ao tempo, e está localizado numa propriedade particular, próxima ao centro da cidade.

Economia

A economia do município é impulsionada pelo comércio local e por três grandes empregadores: A Prefeitura Municipal localizada no centro da cidade, a indústria de calçados da Via Uno e a indústria de tapetes e carpetes de sisal da APAEB Valente (Associação de Desenvolvimento Sustentável Solidário da Região Sisaleira). As duas últimas se localizam no Bairro Petrolina. Umas das principais fontes de renda na zona rural é a agricultura familiar, destaque também para o Sisal, planta que deu a Valente o título de capital mundial da fibra.

Cultura

Valente sempre se destacou pelas sua manifestações culturais, desde os tempos do saudoso Tio Moura, músico que se tornou figura folclórica e que se confunde com a história da cultura do município. Muitas dessas manifestações ainda resistem - a exemplo do que acontece em muitas cidades da região - através da persistência de moradores que se dedicam para manter a cultura, e em alguns aspectos, resgatá-la. Valente atualmente conta com diversas figuras e grupos que se destacam nas várias áreas culturais. Atualmente conta com uma casa de espetáculos de 320 lugares: A Casa da Cultura, única do Brasil construída sobre um lajedo, recebe os diversos grupos e manifestações culturais de toda a região.

Ex Prefeitos de Valente

  • José Mota;
  • Reinaldo Ramos;
  • Pedro Mota;
  • Dr. Toninho;
  • Dr. Gelson Carneiro;
  • Edinho Grande;
  • Tarzan;
  • Florisvaldo;
  • Nenenzinho.

Atual Prefeito

  • Ubaldino Amaral de Oliveira

Principais Povoados

  • Santa Rita de Cássia
  • Valilândia
  • São João (Encruzilhada)
  • Tanquinho
  • Queimada do Curral
  • Junco
  • poço
  • Várzea dos Porcos
  • Recreio
  • Lagoinha
  • Varginha
  • Serra do pintado
  • Itareru

Principais Fazendas

  • Papaguaio
  • Mato Grosso
  • Barriguda
  • Rapoza
  • Limoeiro

 

Fonte: Wikipedia 2011

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postar um comentário